O alerta moderno de Carpinejar sobre os pais e mães

6 de Maio de 2018

O “Sempre um Papo” apresenta mais um excelente livro de Fabrício Carpinejar, intitulado “Cuide de Seus Pais Antes que Seja Tarde” (Ed. Bertrand Brasil). Prestes a completar 46 anos de vida e 20 de literatura, tempo em que publicou crônicas, poesias, livros infantis e ganhou diversos prêmios, Fabricio Carpinejar decidiu fazer uma homenagem ao seu pai e à sua mãe em forma de livro: “Cuide dos pais antes que seja tarde” traz textos comoventes e inspirados sobre o tempo, a perda, o amor, o carinho e o cuidado que os filhos devem ter.

Será no dia 22 de maio, terça-feira, às 19h30, no auditório da Cemig.

“Acreditamos que os pais são eternos, imutáveis, que estarão próximos quando surgir a necessidade. Mas eles adoecem e morrem. É uma fatalidade inevitável, não há como parar a idade, recuar o fim. Se é certo que os pais um dia vão adoecer e partir, por que não organizamos a nossa vida para acolhê-los? Por que não assumimos sua gestação? Por que não reduzimos o ritmo da carreira para darmos sentido para os seus últimos dias?”, escreve o autor, na apresentação da obra.

Ao falar dos pais, ele dedica também alguns textos aos avós, dizendo que o respeito e a amizade pelos mais velhos é o primeiro passo para nos tornarmos bons filhos. Como sempre, o poeta traz para o livro suas experiências pessoais e pílulas de pensamentos inspiradas em algumas metáforas, como quando compara a história dos mais velhos aos objetos retrô que tanto valorizamos. “Não há livro antigo que reproduza a sabedoria de minha mãe. Em vez de comprar uma edição rara em um sebo, basta convidá-la a almoçar que já desfruto de uma biblioteca inteira de primeiras edições”, filosofa.

Na orelha, o ator Paulo Betti, que perdeu o pai e a mãe num período de três anos, lamenta não ter lido o livro de Carpinejar antes: “É um grito de alerta. Deveria ser leitura obrigatória”, aconselha o ator.

Leia a apresentação do livro: https://bit.ly/2EeTn4S

[fbcomments]